Melhores inibidores de apetite: naturais e de farmácia

Melhores inibidores de apetite: naturais e de farmácia




Os inibidores de apetite, tanto naturais quanto os remédios da farmácia, agem fazendo com que a sensação de saciedade se prolongue por mais tempo ou reduzindo a ansiedade que aparece quando se está fazendo dieta.

Alguns exemplos de inibidores naturais do apetite são a pera, o chá verde ou a aveia, enquanto os principais remédios incluem a sibutramina, que é vendida na farmácia, ou o 5HTP, que é um suplemento natural.

1. Alimentos

Dentro os principais alimentos que inibem o apetite e a fome, estão:

  • Pera: por ser rica em água e fibras, a pera alivia a vontade de comer doces e prolonga a sensação de saciedade no intestino, pois sua digestão é lenta;
  • Chá verde: é rico em flavonoides, polifenóis, catequinas e cafeína, substância que ativam o metabolismo, reduzem a inflamação no organismo e auxiliam na queima de gorduras;
  • Aveia: é rica em fibras que aumentam naturalmente a saciedade e melhoram a flora intestinal, além de estimular a produção de serotonina, o hormônio do bem estar.

Além disso, os alimentos termogênicos também ajudam a aumentar o metabolismo e favorecer a queima de gordura, como a pimenta, a canela e o café.

Remédios de farmácia

Estes medicamentos podem ser comprados na farmácia e só devem ser tomados de acordo com a orientação do médico:

  • Sibutramina: é usada para reduzir a fome e controlar o humor, evitando picos de ansiedade que levam à compulsão alimentar. Saiba mais sobre a sibutramina e seus riscos;
  • Saxenda: é um remédio injetável que regula a fome, a produção hormonal no cérebro e ajuda a controlar a glicemia, que é o açúcar no sangue;
  • Victoza: é usado principalmente para controle de diabetes, mas também tem como efeito auxiliar na perda de peso;
  • Belviq: aumenta os níveis de serotonina no cérebro, que é o hormônio do bem estar, diminuindo o apetite e aumentando a saciedade.